O melhor afrodisíaco | Sedução

Jantar com amigos

Sua estratégia: Mostrando admiração pública por sua menina elevarás seu capital social. Faça-o ver que é tudo um partidazo. Caso contrário, você vai se sentir insegura. Ficou demonstrado em um estudo publicado na prestigiada publicação sobre personalidade e psicologia social Journal of Personality and Social Psichology. Mostre a ele que se acha muito sortudo de estar em sua liga.

Seu movimento: Segue-se com um elogio mais pessoal quando estiverem sozinhos. Se não a halagas em privado, ela vai pensar que todo esse alardeo em público é apenas uma maneira de mostrar aos outros o bom namorado ou marido que é.

Você está confuso por um problema

Sua estratégia: por favor, dê sua opinião, não o seu conselho. Estão envolvidas emoções básicas: fazer da confiança algo explícito e potenciarlo é uma forma de motivar a permanência do casal.

Seu movimento: Usa palavras como “opinião”, “sentir” e “pensar”. Você pode até perguntar: “o Que você acha que eu deveria fazer?” É melhor do que “Diga-me o que devo fazer”. Isso ajuda a validar suas opiniões e fortalece a sua confiança em vosso vínculo afetivo.

Está totalmente errada

Sua estratégia: Nunca optes pelo desacordo. As mulheres têm mais probabilidades que os homens de resolver um conflito através da colaboração. Optar por levá-lo radicalmente o contrário, sem um argumento de peso a seu favor, anula o processo de comunicação e nunca resolve nada. Mas também não vá pensar que você tem que dizer que sim a tudo. O casal que coincide em tudo pode terminar com a sensação de ficar sujeito ao outro.

Seu movimento: Faça-lhe perguntas sem prejudicar como “Por que você acha isso?” ou “Você já pensou em fazer isso deste modo?”. Você vai mostrar respeito por seu intelecto e decisões, e ela se mostrará mais predisposto a compartilhar seus pensamentos.

Ela está feliz

Sua estratégia: Reina o bom rolo. Aproveite para corrigir um erro do passado. Segundo um estudo do Journal of Personality and Social Psichology uma mulher se questiona sua sinceridade quando tomadas medidas para solucionar um problema que ainda está fresco. Em resumo, irá apreciar mais seus esforços para fazê-la feliz quando estiver idem.

Seu movimento: Pense em por que vos peleasteis em vossas discussões mais recentes. Faça-o ver que você está tentando compensarla por esses maus momentos que não se repetirão no futuro. Sorpréndela com flores no trabalho, faça um jantar como Deus manda. E apréndete a lição: evite os problemas do amanhã. Há que estabelecer, mediante o diálogo e o acordo, regras mínimas de convivência, aconselham os profissionais.

O gym está matando a sua vida sexual | Sexo

Vale, de acordo. Se quiser perder barriga não há nada como ir ao ginásio com regularidade. Mas acontece que muita intensidade também pode diminuir outra coisa.

Muita força

E é que, aparentemente, existe um vínculo entre a diminuição do desejo sexual e o exercício, tal como sugerem os investigadores da Universidade da Carolina do Norte (EUA). O experimento contou com mais de um milhar de homens fisicamente ativos. É dizer, que correm, fazendo musculação ou andam de bicicleta, com uma certa freqüência.

Aqueles que afirmam treinar em intensidades menores asseguraram ter um desejo sexual normal ou elevado sete vezes mais do que aqueles que treinaram mais rígido.

Além disso, aqueles que tiveram maior número de horas acumuladas no ginásio (o número total de horas por semana, multiplicado pelo número de anos que fizeram exercício) tiveram maior probabilidade de reportar um desejo sexual normal ou elevado em comparação com aqueles que treinaram menos tempo.

Isso mostra que os homens que treinaram mais duro e por mais tempo tiveram significativamente maior probabilidade de relatar uma diminuição do desejo sexual.

RelacionadoExercícios contra a rotina sexual

A culpa é dos hormônios

Os pesquisadores indicaram que a atividade física intensa pode provocar uma diminuição da testosterona e da hormona luteinizante. Também é possível que um aumento no volume de treinamento intenso pode levar a fadiga mental e física, o que afetaria o desejo e motivação na hora de manter relações sexuais.

RelacionadoOs homens e os hormônios

É importante notar que o estudo foi realizado com homens com vidas ativas. E é que pesquisas anteriores realizadas com indivíduos sedentários obtiveram diferentes resultados, e constatou-se que um aumento na atividade física, trazia consigo maiores níveis de testosterona.

Tudo parece indicar que o problema surge na hora de treinar em alta intensidade durante um período de tempo elevado. Por exemplo, no estudo, 15% dos homens que asseguraram fazer mais de 10 horas de exercício por semana, disseram ter pouco desejo sexual. Por outro lado, apenas 2% dos homens que realizaram exercício entre quatro a seis horas por semana relataram esse problema.

Resumindo, se você notar que decai o seu desejo sexual certifique-se de estar treinando o certo: não muito, nem pouco. E se você vai ao médico, certifique-se de que ele ou ela esteja consciente de sua rotina na academia.

RelacionadoMelhorar o sexo com o treinamento

60% das mulheres tem fingido um orgasmo | Sexo

Tu convencido de que, naquele dia, caiu exausta, vítima de seu virtuosismo nas artes amatorias, e descobre-se que tudo era teatro. Triste, muito Triste. Mas pelo menos você não está sozinho, se te serve de consolo. Tal e como sugere um estudo canadense publicado na revista Sexualities , “a maioria das mulheres finge um orgasmo pelo menos uma vez na vida”.

RELACIONADO:“você Está fingindo o orgasmo?”

Surpresa, surpresa

A tendência se confirma: 68% das 2.000 mulheres pesquisadas pelo site DrEd.com admite ter fingido um orgasmo. Mas com nuances. Acontece que a situação sentimental também tem algo a dizer sobre isso. 60% das meninas entrevistadas reconheceram fingir um orgasmo, pouco depois de começar uma relação, enquanto que os rolos de noite, e os casais, o número cai para 40% .

O que faz com que nos mars perguntar por que as mulheres são sinceras, tanto no palco do aqui eu pegar aqui te mato (o que pressupõe que o sexo é mais apurado), como nas relações que duram anos (onde teoricamente deveria ter apagado a chama da paixão).

Com essas idéias na cabeça, fizemos uma pequena pesquisa e consultado um par de especialistas . Isso é o que nós aprendemos.

Não é por você, é por mim

Primeiro: não monta o show para que você se sinta um fracassado. De fato, pode ser tudo o contrário: que quer impresionarte.

Precisamente o contrário do que acontece com o rolo de uma noite com um desconhecido, onde a pressão por estar à altura desaparece da equação.

E pode ser que o sexo não seja tão intenso ou frequente uma vez que ele passa pelo altar, mas também é verdade que os anos trazem experiência e um sabequé botões apertar. Em outras palavras: seus orgasmos são mais frequentes, daí que não sinta a necessidade de fingir. É mais, por estar casados e viver juntos não é tão importante que as coisas cheguem sempre a bom porto. Se você não atingiu o orgasmo, você pode tentar novamente.

Erro de principiante

A coisa muda nas relações que vão a sério, mas acabam de começar. Por isso de fazer as coisas funcionarem, talvez finja um ou dois orgasmos (situação que mudará à medida que se vai familiarizando com os corpos). Haverá momentos em que faça o filme, simplesmente porque não é de humor.

Mas antes que sua auto-estima vai afundar na miséria, aí vai um dado que fará com que você se sinta um pouco melhor: 66% das mulheres nunca ou muito raramente são fingido um orgasmo. Vamos lá, que é mais uma exceção do que algo comum.

E se algum dia é óbvio que a tua menina não está sentindo de verdade, lembre-se que lhes custa muito mais para chegar ao clímax. Seja honesto com ela e, sobretudo, consigo mesmo. Averigue que é o que acontece, as razões por que não está satisfeita, e começar a trabalhar para mudá-lo.

RELACIONADO:“Orgasmo feminino, a folha de rota”

Descubra se ele gosta de você | Sedução

O olhar

Mírala os olhos são o espelho da alma. E a forma de entornarlos, o reflexo de suas intenções. “Se você olha para os olhos e a boca, é um bom sinal”, garante Alberto Hidalgo, psicólogo e autor de “Psicologia e Sedução”, além de ser autor do blog de Men”s Health “O Grande Sedutor”. “Se você olha de forma rápida e desvia seus olhos quando fazeis contato visual, mais pontos ainda.” Veja detalhes muito sutis: se lhe brilham os olhos e se lhe dilatam as pupilas, ou se envergonham e inquieta quando falais; trata-se de gestos inequívocos de que mais do que tilín, lhe faz toulon toulon.

A posição de seu corpo

Lembra-se da máxima: “a proximidade figurada se mostra literalmente”. “Quanto mais próximo estiver o seu corpo sobre o teu, muito melhor”, diz Hidalgo. “Especialmente se os seus lábios estão próximos dos teus”. Mais gestos que presagina um triunfo iminente: se você se agarra a cintura, e senta-se em cima de ti. Mas cuidado, não se emoções. Antes de tirar conclusões precipitadas, verifique se ele faz isso, apenas você ou se, pelo contrário, a menina é mais doce do que um doce de morango. Tenha em conta que há pessoas que simplesmente gostam de contato físico. “Se se mostra o corpo de lado, é menos provável que você quiser”, acrescenta o psicólogo. Em contrapartida,” se você faz o espelho, a coisa muda”. E para o bem. “É dizer, que se imita e muda de posição quando tu mudares a tua”, esclarece Hidalgo.

As amigas

A atitude das meninas que a rodeiam também pode conter informações valiosas sobre o que a ti te interessa. Coloque a orelha: note-se cuchichean coisas sobre ti e sorriem alegremente quando te olham. “Se tudo correr bem, as amigas vão tentar vendê-lo, destacando suas qualidades e deixando-o a sós com ela”, diz Alberto Hidalgo.

Observa se age com a cabeça

Ou melhor, o grau de inclinação de sua testa. Mas esqueça a esquadra e o chanfro: não há necessidade de entrar tão técnico. Você só tem que estabelecer se “olha, inclinando a cabeça para o lado ou movendo-a de um lado para o outro, mostrando o pescoço”, como informa Alberto Hidalgo.

As carícias

O fato de que “se faça uma carícia ou te tocar, mesmo que seja um pouco”, é um bom sinal. O teste do algodão: tócale discretamente um braço. Se ela faz o mesmo (venha, que te dá um jeitinho logo depois do seu), as chances sobem como a espuma. Estuda também se acaricia o cabelo, os braços ou as mãos enquanto fala com você. Em caso afirmativo, vá cambiándote de roupa interior: triunfas fixo.

A trajetória da fumaça

De cigarros, entende-se. Se essa menina que te leva para o caminho da amargura dá à nicotina, olhe bem para onde lança o fumo: “o ideal é que você dê a fumaça para cima, enquanto você olha em áreas não neutras como boca, cabelo e peito, ao mesmo tempo em que mostra a face anterior do pulso, enquanto segura o cigarro”, disse Hidalgo.

Suas palavras

Sua forma de agir quando fala contigo também pode ser lançado poderosas pistas sobre suas possibilidades. Tudo se resume a um par de coisas: interesse e justificativa. Fique com a música e inscreva-se um tanto, se faz perguntas interesándote por ti e tua vida. “Se você tem irmãos”, diz Alberto Hidalgo, “e, sobre tudo, como você fez com as antigas namoradas.” O não vai mais seria que começasse a sorrir, fazer piadas e chamar as coisas. Mas de muito bom humor. No plano apelidos como “tontito”, “chiqui”, “pequena”, “mau”, “golfo”. Quanto às justificativas, lembre-se que este latinejo: “excusatio non petita, accusatio manifesta”. O autor de Psicologia e de Sedução é ilustrado com alguns exemplos: “está contigo e você vai ir para outro lugar (ao serviço, ponhamos por caso) e se diz que volta logo, que não vá. Ou vai sair com um amigo e, sem perguntar nada, você diz que é só um amigo, que a ela não gosta”.

Como melhorar o sexo em um relacionamento | Sexo

Como melhorar o sexo em um relacionamento

Se há algo que lhe cansar a sua menina é que você sempre faça o que ela gosta. Que sim, que no princípio animado muito tudo o que lhe costumava fazer, mas isso já faz muito tempo. Se não lhe tinhas dado conta ainda, é chato e precisa que você vire a omelete. Como? Dando-lhe uma chance a sua imaginação, de que outra maneira senão. Aqui você tem alguns truques que farão com que a sua cama tremer de novo, seus vizinhos se queixar e a sua garota sempre quer mais. Só passa para a próxima página e saiba por onde começar

1) MUDA DE LUGAR

Não é necessário fazer grandes alterações para que melhore a sua vida sexual. Algumas pequenas variações ajudam a aumentar o desejo. Então vamos começar pelo mais fácil. “Às vezes, basta fazê-lo em outro lugar, mas não é necessário sair de casa. Em vez da cama, há muitos sites na mesma casa: o sofá, a cozinha, o banheiro? É uma mudança muito fácil de fazer, que consegue que o sexo esteja mais presente no dia-a-dia”, garante a sexóloga Marta Arasanz.

Por exemplo, preparar um banho aromático é um detalhe romântico que acabam sendo sexual. A cozinha é um cenário que inspira sexo selvagem e rápido. E uma recomendação para lúgubre: enquanto ela está debruçada sobre o balcão, você se colocou atrás de você? E faça o seu.

Se há algo que lhe cansar a sua menina é que você sempre faça o que ela gosta. Que sim, que no princípio animado muito tudo o que lhe costumava fazer, mas isso já faz muito tempo. Se não lhe tinhas dado conta ainda, é chato e precisa que você vire a omelete. Como? Dando-lhe uma chance a sua imaginação, de que outra maneira senão. Aqui você tem alguns truques que farão com que a sua cama tremer de novo, seus vizinhos se queixar e a sua garota sempre quer mais. Só passa para a próxima página e saiba por onde começar

1) MUDA DE LUGAR

Não é necessário fazer grandes alterações para que melhore a sua vida sexual. Algumas pequenas variações ajudam a aumentar o desejo. Então vamos começar pelo mais fácil. “Às vezes, basta fazê-lo em outro lugar, mas não é necessário sair de casa. Em vez da cama, há muitos sites na mesma casa: o sofá, a cozinha, o banheiro? É uma mudança muito fácil de fazer, que consegue que o sexo esteja mais presente no dia-a-dia”, garante a sexóloga Marta Arasanz.

Por exemplo, preparar um banho aromático é um detalhe romântico que acabam sendo sexual. A cozinha é um cenário que inspira sexo selvagem e rápido. E uma recomendação para lúgubre: enquanto ela está debruçada sobre o balcão, você se colocou atrás de você? E faça o seu.

2) DESINHÍBETE

Jogar com os papéis sexuais é uma aposta segura: colegial, enfermeira, professora… Estas fantasias que todos os homens nos rondam a cabeça, Por que não levá-las a cabo? Roger Rodenas, dono de sex-shop explica que “sempre funcionam. São fantasias que começam meio em tom de brincadeira, mas que dão muito curiosidade”, garante o especialista em molas do desejo. Além disso, os trajes em conjunto fazem com que sua garota se sinta muito sexy e isso lhe dará muita confiança. Não em vão, brincar de ser outra pessoa é uma das melhores técnicas para desinhibirse, já que você tem a desculpa de que não és tu quem deseja isto ou aquilo, mas sim o seu personagem.

3) DESLIGUE DO MUNDO

Um dos maiores inimigos de nossa libido é o estresse. O sexo acaba por ser uma atividade de nossa agenda. Certamente, tudo funcionaria melhor se não tivéssemos essa pressão. Arasanz recomenda passar um fim de semana dedicado exclusivamente ao sexo. Encerra-te com a tua menina em um hotel tranquilo e desconectad dos móveis. Não se trata de fazer uma maratona sexual, mas de desfrutar de estar juntos sem distrações nem preocupações. Não sairdes do quarto nem para comer (você pode ligar para o serviço de quartos, não é o plano de cair desfallecidos). Ao compartilhar essa intimidade, sua menina sentir-se aumentar a vossa cumplicidade. Então é o momento, além de aprofundar as fantasias de cada um. Aproveite para perguntar o que gostaria de realizar e anímala a soltar-se.

4) SEGUE O JOGO

O bom sexo é o que funciona, antes, durante e depois. É dizer, o que te faz pensar nisso o dia todo, seja fantasiando ou rememorando as melhores jogadas. Isso pode passar a princípio, por acaso, mas na maioria dos casos, é proporcional ao que você trabalhe. Se lhe envias um e-mail ou um sms sugiriéndole “atividades noturnas”, ela te seguirá o jogo e isso fará com que quando chegar o momento seja muito mais excitante. E, na manhã seguinte, volte a enviar uma mensagem dizendo o bem que esteve com ela na noite anterior. Assim, ela se animar para a próxima vez.

5) BOAS VIBRAÇÕES

Regálale uma bala vibratória. É uma espécie de pequeno ovo que ela se insere, já sabe onde (tranquilízala, tem uma cuerdecita para poder tirá-lo sem problema). O bom é que serás tu o que tenha o controle para dar-lhe maior ou menor vibração, como te apetecer. “Isso cria situações muito mórbida. Por exemplo, você pode estar em um jantar com mais pessoas e, de repente, colocar em marcha o aparelho. Ou fazê-lo em uma reunião ou em uma situação chata que logo deixará de sê-lo”, aponta Rodenas. Todo um mundo de possibilidades ao alcance de sua mão (de seu polegar, de fato).

6) ESCREVA AS SUAS FANTASIAS

Você tem dificuldade em verbalizar as suas fantasias mais apertadas? Há uma forma de explicar sem dizê-las e, de passagem, o objetivo e a curiosidade pelo tema. Escreva cinco coisas que você gostaria de fazer e que ela faça o mesmo. Ponde os papéis de seus desejos em um saco e deixa que ela tire um sem olhar. Você pode aumentar a curiosidade do jogo durante vários encontros em que vos andar inferior para fazer o que sair aleatoriamente do saco.

7) VEDE PORNÔ JUNTOS

Quem disse que as meninas não gostam de pornô? Escolhe um filme pensando nela, nas situações que lhe dêem curiosidade e a estética que mais lhe agradar. Propónsela ver e que vades imitando o que está na tela. Certeza que você ainda não tem os títulos finais. Aliás, alguém já chegou alguma vez a ver o final de um desses filmes? Nesta linha, outro produto em crescimento são os moldes de paus-de atores pornô. “Os casais lhes dá curiosidade de experimentar outras dimensões, especialmente se você sabe o que são as de um ícone da pornografia”, assegura Rodenas. Se as comparações não se dão medo, vá em frente.

8) ORDENA E MANDA

Os jogos de poder são os que mais curiosidade nos dão. Um dia, tu mandas, e ela deve fazer tudo o que lhe ordens e estar pendente exclusivamente de seu prazer. No dia seguinte invertís os turnos. Desta forma, você vai saber o que gosta de seu parceiro e ela logo aparece também o problema que você mais se coloca.

9) PEGUE AS MALAS

Arasanz recomenda que os reservéis um fim de semana especial de vez em quando. Para quebrar a rotina, nada melhor que pegar as malas e ficar em um hotel romântico. É uma boa forma de acabar com as rotinas habituais e deixar de lado o stress. “É uma situação excepcional, e isso faz com que seja diferente. Estais só você e ela, pelo que se abrem uma série de possibilidades”, comenta Arasanz.
Mas, se não podeis permitiros por tempo ou por dinheiro este tipo de pausa, você pode fazer algo parecido na cidade. “Os spas urbanos representam um investimento de tempo para cuidar de nós mesmos e isso nos abre a mente e o corpo”, diz a sexóloga.

10) INÍCIO DO SÉCULO XX OS OLHOS

Proibir certas coisas faz com que desfrutemos mais outras. Por exemplo: um encontro amoroso em que não pode usar as mãos. Ou o que um tem os olhos vendados. Ou o que não se pode chegar ao coito. Fazer um pacto deste tipo antes de começar da curiosidade e os obriga a recorrer ao engenho para sair airosos de vosso desafio sexual.

11) DÊ UMA MÃO

Veja como uma mulher se masturba pode ser tão instrutivo como excitante. Requer um grau de intimidade alto, por isso que ela, em geral, apenas o fará se sentir à vontade e ele insistisse sem pressioná-la. Peça-lhe que se monte um show privado e deixe terminar; só então, tirar a roupa e venha para a festa.

12) RETIRA OS DADOS

Os primeiros jogos de tabuleiro eróticos propunham orgias para realizar em grupo. Nem todos se atreviam a fazê-lo e, por isso, cada vez saíram mais jogos pensados exclusivamente para casais. Estes são uma boa desculpa para realizar coisas que normalmente não fazem, já que “são as regras do jogo ou do azar que determinam a situação, e assim é muito mais fácil deixar-se levar”, aponta Rodenas. Neste campo, a novidade é o Love Cubes, que leva um vibrador de presente para poder cumprir com as regras do jogo. Há também jogos pensados para durar várias semanas, criando uma espectativa sexual. A Cada dia se tem que fazer alguma prova e isso serve para reavivar constantemente a vida sexual de ambos.

Liberte sua paixão, estimulando seus 5 sentidos | Sedução

Liberte sua paixão, estimulando seus 5 sentidos

1) OUVIDO

Use o seu tom mais grave. As vozes de tons graves associadas à masculinidade e são, além disso, muito tranquilas. Isso sim, imposta sem exagero, se você não quer assustá-la fora.

Outra de suas armas para dar um revolvón é a música clássica, já que combate os efeitos do estresse, que por sua vez, reduz a libido de uma mulher. Quando você estiver no carro, não tenha medo de revolucionar o motor no semáforo: vários estudos neurológicos têm demonstrado que aumentar em 10% o volume da música aumenta a produção de testosterona na mulher.

1) OUVIDO

Use o seu tom mais grave. As vozes de tons graves associadas à masculinidade e são, além disso, muito tranquilas. Isso sim, imposta sem exagero, se você não quer assustá-la fora.

Outra de suas armas para dar um revolvón é a música clássica, já que combate os efeitos do estresse, que por sua vez, reduz a libido de uma mulher. Quando você estiver no carro, não tenha medo de revolucionar o motor no semáforo: vários estudos neurológicos têm demonstrado que aumentar em 10% o volume da música aumenta a produção de testosterona na mulher.

2) CHEIRO

Faça uma torta de maçã justo antes de que chegue e acenda uma vela com aroma de maçã. A maçã potência da excitação em até 24%. Se quiser excitarla ainda mais, experimente lavar a roupa e os lençóis com um detergente de lavanda e camomila. É um cheiro reconfortante de que as mulheres associam a felicidade.

Para terminar, coloque um copo de whisky de malte de 10 anos. Um copo de bourbon antes de ir dormir, fará com que se excite mais. Os estudos realizados demonstraram que pode acelerar a sua frequência cardíaca e aumentar a sensibilidade da pele.

3) VISTA

Compra umas quantas filmes de terror. O medo que provocam esses filmes, torna-se imediatamente excitação positiva ao final do filme. Outra técnica que deve tentar é mostrar fotos constrangedoras de sua infância. Quando uma mulher se imagina de pequeno, ele sai admiração por ver que você se tornou um homem, o que aumenta a sua excitação. Decore sua casa com toques de vermelho; em um estudo da Universidade de Dirham (estados unidos).EUA) observou-se que assim é mais fácil do que se excite, porque o vermelho é associado a um maior nível de testosterona.

4) GOSTO

Um bom Bloody Mary sexta-feira à noite fará reagir suas papilas gustativas mais sensíveis, especialmente se você o serve com aipo. O aipo aumenta a secreção de feromonas que, sem que se dê conta, aumenta o seu poder de atração das mulheres. Uma fatia de melancia para o café da manhã é uma escolha redonda, se estiver à procura de uma sessão de jogos matinais, porque está carregada de um nutriente essencial chamado arginina. A arginina aumenta a produção de óxido nítrico, que relaxa os vasos sanguíneos, o que aumenta a excitação.

5) TOQUE

O peso dos objetos de uso diário pode afetar a opinião que tem de si. Jantar servido em pratos cheios e sólidos. É uma forma de dizer que você está oferecendo algo sólido, que tem uma vida estruturada. Funciona em um nível muito subliminar, mas funciona.

Teste também a subir o aquecimento. Em um estudo da Universidade de Portsmouth (Reino Unido) mostrou que as mulheres sentem mais frio do que os homens. Isso faz com que o sangue lhes circule com maior dificuldade, e quando uma mulher tem frio é mais difícil do que ficar quente.